50 Dicas Para Vender mais, Parte 8.

Você precisa tirar a bunda da cadeira para vender mais. O processo de vendas inclui relacionamento, networking e atendimento. Por isso uma das tarefas do vendedor que quer vender mais é criar um vínculo com pessoas – independentemente se elas são clientes ou não.

Eu já consegui me perder e me achar escrevendo essas 50 dicas para vender mais.

Primeiro porque já tive que rever conceitos de vendas que eu tinha há quase 10 anos e que eu não sabia se me ajudavam realmente a vender mais.

Depois porque o processo de vendas é um infinito processo de aprendizado e, vender mais está relacionado a aprender mais.

Por si só isso já basta.

E, por incrível que pareça, o guia de dicas para vender mais está quase no final. Essa é a 8ª parte e, em duas semanas acabamos.

Eu já falei sobre o operacional, sobre sistemas, sobre comportamento, sobre internet, sobre marketing de conteúdo, sobre tendências e mais um monte de coisas.

E hoje eu vou falar sobre atitudes para vender mais. Mas, pode ficar tranquilo que não é nada de “o segredo” não.

São atitudes pró-ativas que ajudam a vender mais.

Se você está chegando por aqui agora, eu recomendo que, antes de começar a ler este artigo você leia antes:

- 50 dicas para vender mais, parte 1;

- 50 dicas para vender mais, parte 2;

- 50 dicas para vender mais, parte 3;

- 50 dicas para vender mais, parte 4;

- 50 dicas para vender mais, parte 5;

- 50 dicas para vender mais, parte 6; e

- 50 dicas para vender mais, parte 7.

Se você ou a sua empresa estiver passando por uma crise, ou se o seu mercado estiver em crise, ou se a crise da Europa estiver afetando o seu negócio, eu aconselho que você leia a minha série de dicas para vender mais em Tempos de Crise.

A pró-atividade e atitude do vendedor é uma grande ferramenta na hora de vender mais.

Mas, pode ficar tranquilo que eu não vou falar sobre fazer milhares de ligações ativas e muito menos ficar batendo de porta em porta.

Primeiro, por que hoje as pessoas, ainda mais do que há alguns anos atrás, não têm muito tempo a perder e, além disso, podem buscar na internet, qualquer coisa que queiram saber mais, por curiosidade ou desejo de compra.

Um exemplo que eu adoro dar é que, por maior a empresa, por maior o cargo do comprador, ele só vai comprar quando ele acreditar que tem a necessidade.

A necessidade da compra é como um vício. Assim, a pessoa só busca tratamento quando reconhece que está doente.

Sendo assim, quando a pessoa criar a consciência de que precisa daquilo, mesmo sendo ela a dona da empresa, ou o comprador da maior empresa do Brasil – ou do mundo – certamente ele pedir pro estagiário ou pra alguém fazer uma pesquisa por isso na internet.

Geralmente eles pegam o contato das empresas que aparecem na primeira página do Google naquele segmento e ligam marcando uma pequena reunião.

Não tente mentir para você.

É realmente assim que acontece.

Então, é melhor você trabalhar pró-ativamente para causar uma excelente primeira impressão. E é aqui que começa o guia para vender mais dessa semana.

#1. Para vender mais, não tente vender nada sem antes criar um vínculo com o cliente.

O que separa um cliente de um consumidor?

Para Vender Mais Crie Vínculo com os Clientes | ThinkOutside - Marketing & Vendas, Empreendedorismo e InovaçãoTeoricamente o cliente é aquele que compra com você. O consumidor é o que comprou com os outros.

Por isso, aprenda a valorizar o vínculo entre você e quem senta do outro lado. Sente na cadeira do cliente e entenda se o seu discurso está moldado para a sua empresa, ou para atender a ele.

Quando o seu discurso está moldado para atender ao cliente, aí existe um vínculo: você e o cliente estão simplesmente focados e comprometidos com o sucesso dele.

Não o seu sucesso, o sucesso da sua empresa ou do seu produto. Mas o sucesso do cliente.

O cliente não deve ver uma empresa como fornecedora, mas sim como parceira. E é justamente essa relação ganha-ganha que faz a diferença.

O relacionamento entre uma empresa vendedora e um cliente deve ser a sinergia entre eles fazerem o melhor para que o sucesso do cliente seja atingido.

#2. Para vender mais, aprenda a usar o relacionamento estratégico.

Todo mundo fala sobre networking. Mas, quantas pessoas você já ouviu falar em relacionamento estratégico?

Para Vender Mais Aprenda a Usar o Relacionamento Estratégico | ThinkOutside - Marketing & Vendas, Empreendedorismo e InovaçãoPoucas.

Então, anota aí. Segundo a Wikipedia:

O relacionamento estratégico é a estratégia de formação de redes de contatos úteis. O networking se tornou um jargão entre muitas pessoas. Já o relacionamento estratégico não. O relacionamento estratégico define pessoas ou empresas a conhecer e como chegar a estas pessoas.

Sendo assim, é de extrema importância tirar o máximo de proveito do relacionamento estratégico, uma vez que significa apenas frequentar os lugares certos para conhecer as pessoas certas e fazer o negócio acontecer.

Um exemplo.

O que parece melhor, ir em todos os eventos, workshops, palestras e encontros que acontecerem na área, ou ir diretamente nos eventos do seu segmento e tirar o melhor proveito das pessoas que lhe interessam e que estarão lá por curiosidade?

Da mesma maneira aqui é melhor estar aonde as pessoas interessadas estão, ao invés de dar tiro em qualquer movimento que se pareça com um alvo.

#3. Para vender mais, entenda o que é atendimento.

As pessoas têm uma ideia errada de atendimento.

Para Vender Mais Entenda o que é Atendimento | ThinkOutside - Marketing & Vendas, Empreendedorismo e InovaçãoE isso é bom. Bom porque os poucos que atendem mais ou menos são bem vistos como bons atendedores.

E, se você tiver um atendimento excepcional, se posicionará na cabeça do consumidor acima de qualquer outra empresa.

Um vendedor pró-ativo que saiba o que é atendimento consegue fazer a diferença na vida dos clientes e, obviamente no seu desafio de vender mais.

Como vender mais se não atendendo de corpo, alma e coração?

Qual seria o papel de uma empresa se não servir o cliente? Se você acha que o papel da empresa é trazer lucro, está TOTALMENTE enganado. O papel de uma empresa é se dedicar ao cliente. Vender mais é consequência de uma operação de vendas bem feita.

Eu recomendo altamente que você entenda o real valor do atendimento. Isso vai ajudar muito na hora dos seus clientes falarem – bem ou mal – de você para os outros.

E a melhor maneira de vender mais e crescer é quando um cliente fala bem da nossa empresa. Talvez essa não seja a melhor maneira, mas sim a única maneira de vender mais.

#4. Para vender mais, não tenha pressa.

A pressa é inimiga da perfeição.

Para Vender Mais Não Tenha Pressa | ThinkOutside - Marketing & Vendas, Empreendedorismo e InovaçãoSIM!

A pressa é inimiga de qualquer coisa.

Quando você entra em uma loja para ver um produto, mesmo que você esteja disposto a comprar esse produto você precisa se decidir.

E esse tempo de decisão se chama processo de compra.

Pessoas têm processos de compra e, empresas têm processos de compra.

Para uma pessoa, alguns minutos, horas ou um dia pode ser suficiente.

Existem empresas que precisam de meses ou anos.

Tudo isso para se decidirem, internamente, a entender que, sim, precisam do produto que você vende.

Portanto, não tenha pressa para vender nada.

Deixe o cliente entender que o ritmo é ditado por ele e, que você está respeitando a posição dele.

Para vender mais é preciso ser um psicólogo de clientes. E você só vai conseguir isso se entender que cada um tem o seu tempo.

Você não pode colocar a carruagem na frente dos bois. A única coisa que você tem que fazer é entender o tempo do cliente e responder todas as dúvidas – verbais e não verbais que ele possa ter.

Durante a paquera, só vai rolar o beijo se os dois estiverem no tempo do beijo. Se uma pessoa quiser beijar e, a outra não, o beijo não vai rolar naquela hora.

Portanto, saber respeitar o tempo de cada cliente e entender esse tempo é essencial para vender mais.

#5. Para vender mais, deixe de querer vender mais.

Contraditório demais isso?

Para Vender Mais Pare de Querer Vender Mais | ThinkOutside - Marketing & Vendas, Empreendedorismo e InovaçãoNem um pouco. Essa é a mais pura verdade.

Se um consumidor perceber que você está querendo lhe vender a qualquer custo, vai acreditar que você está fazendo empurroterapia e, vai sair fora.

Ele vai tomar um susto, porque vai achar que ele é apenas uma venda para você e, vai se sentir usado.

Vendas é relacionamento.

E, como relacionamento, podemos sempre fazer analogias com outros tipos de relacionamento, como namoro, casamentos, família e etc.

Então, o cliente não pode, de maneira nenhuma perceber que você quer vender mais.

Então, das duas uma: ou você esquece que precisa vender mais e foca em resolver o problema dos clientes; ou você finge que se importa com o cliente, pelo menos na frente dele.

Uma dica: o primeiro soa mais original e, com isso funciona muito mais.

Sendo assim, você pode estar babando pela conta, pela conquista, pelo dinheiro, ou apenas pela sensação de conseguir vender mais.

Mas, não demonstre.

Se alguém perceber isso, você coloca tudo a perder.

Vender mais só será possível se você for um profundo entendedor de clientes.

E, na hora de sentar na mesa pra negociar você precisa se colocar no lugar do cliente e pensar bem no que vai dizer.

Ele não quer saber como a sua empresa é fantástica, mas sim em como seria fantástico para a sua empresa trabalhar com ele.

As nossas primeiras dicas para vender mais foram sobre relacionamento e, agora voltamos a ele para mostrar que, pessoas só compram se se identificam.

Caso contrário, se a pessoa não gostar de você, da sua empresa, do seu produto ou do que você faz, suas chances se acabaram.

E aí, eu duvido que você vai conseguir vender mais pra alguém.

Sendo assim, aprenda a estar no lugar certo na hora certa, aprenda a respeitar o tempo do cliente e nunca, mas NUNCA mesmo, deixe ele suspeitar que o que você quer mesmo é apenas vender mais.

Pessoas procuram por pessoas que tenham soluções. Ninguém procura pessoas que querem apenas empurrar produtos para vender mais.

Pense nisso e será possível vender mais pra sempre…

Para Vender Mais Seja um Psicólogo de Clientes | ThinkOutside - Marketing & Vendas, Empreendedorismo e Inovação

Para vender mais seja um psicólogo de clientes!

About these ads

3 comentários sobre “50 Dicas Para Vender mais, Parte 8.

  1. Pingback: 50 Dicas Para Vender mais, Parte 9. | Marketing & Vendas, Empreendedorismo e Inovação – Think|Outside

  2. Pingback: 50 Dicas Para Vender Mais, Parte 10. | Marketing & Vendas, Empreendedorismo e Inovação – Think|Outside

  3. Pingback: 50 Dicas Para Vender mais, a Conclusão. | Marketing & Vendas, Empreendedorismo e Inovação – Think|Outside

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s