Curso de webwriting: 2ª turma em São Paulo

Dia 21/09 acontece a segunda turma do curso de webwriting no Instituto Rogério Castilho

Depois do sucesso de 2 turmas seguidas em Santos, nos dias 22 de junho e 03 de agosto, estou de volta à São Paulo.

Se você tem curiosidade de aprender sobre webwriting e está em São Paulo, essa é a sua oportunidade.

curso de webwriting mostra, passo-a-passo o processo de produção de conteúdo para a web em 3 etapas:

  • Processo pré-escrita.
  • Processo de escrita.
  • Processo pós-escrita.

O objetivo do curso é aprender que criar conteúdo não é apenas escrever sobre um assunto ou notícia e colocar no ar.

Os participantes do curso de webwriting vão aprender a importância de responder  às perguntas do seu público através do foco do usuário – o mantra do webwriting – para saber o que ele realmente espera do seu conteúdo.

curso de webwriting tem como missão auxiliar qualquer pessoa que esteja conectada na internet a produzir melhores informações, otimizando seu texto, imagens e vídeos, fazendo o trabalho certo para atrair leitores.

curso de webwriting parte da premissa que o processo de webwriting consiste em produzir, otimizar e distribuir conteúdo em 2 frentes:

  1. Para os buscadores encontrarem seu conteúdo para os usuários.
  2. E para que, depois que os buscadores listarem o seu conteúdo, ele seja fantástico a ponto do usuários disseminá-lo pelas mídias sociais.
Convite do curso de webwriting

Clique na imagem para fazer a sua inscrição para o curso de webwriting.

A quem se destina o curso de webwriting?

curso de webwriting tem como público-alvo todos os profissionais que publicam conteúdo na web.

Eu acredito que o curso seja indispensável para: jornalistas, publicitários, analistas, gerentes e diretores de marketing, programadores, profissionais de TI, advogados e principalmente, profissionais que dependem de sua reputação para gerar novos negócios.

Qualquer tipo de profissional que esteja conectado hoje terá vantagens em aprender as ferramentas de webwriting para melhorar a qualidade de seu conteúdo e aumentar sua reputação.

Tópicos do curso de webwriting

Durante o curso de webwriting serão abordados intensamente os seguintes tópicos:

  • O que é webwriting?
  • Como escrever?
  • Princípios do webwriting.
  • O foco no usuário.
  • Como tornar a leitura mais atraente.
  • Como escolher um tema para escrever.
  • A influência do design no webwriting.
  • Como estabelecer empatia com o seu público.
  • Hábitos de leitura e leitura escaneada.
  • Design do corpo do texto.
  • Criando títulos para a internet.
  • Hierarquia de títulos e estilo.
  • Limites do texto.
  • Como conduzir e orientar o usuário através do texto.
  • Otimização de imagens e vídeos.
  • Fontes de tráfego.
  • Objetivos do webwriting.
  • Checklist de webwriting.

Curso de webwriting

Quando: 21 de setembro de 2013.

Onde: Instituto Rogério Castilho (Rua Dona Júlia, 177 – Vila Mariana).

Horário: das 10h às 17:30h.

Investimento:

Até 13/09 – R$ 300,00

Após 13/09 – R$ 350,00

Inscrições: http://www.eventick.com.br/curso-webwriting-sao-paulo

Mais informações: curso@enricocardoso.com.br

Não se convenceu ainda?

Veja o que rolou nas últimas edições do curso de webwriting

– O que rolou na 2º turma do curso de webwriting em Santos.
– Veja mais sobre o curso de webwriting em Santos.
– O que rolou na primeira turma do curso de webwriting em São Paulo.
Anúncios

Webwriting e técnicas que ajudam a vender o peixe na Internet

Tudo o que você produz para seu site ou o site da sua empresa precisa ser atrativo não só para o usuário comum, mas também para o buscador usuário até você

Participe do workshop de webwriting promovido por Enrico Cardoso.

Participe do workshop de webwriting promovido por Enrico Cardoso.

Não adianta ter o melhor produto se você não consegue vende-lo, seja porque o comprador em potencial não chega a saber sobre ele, seja porque a forma como você apresenta o produto não trabalha a favor do negócio. Na Internet, isso é o que acontece com o conteúdo que publicamos.

Já parou para pensar que tudo o que você produz para seu site ou o site da sua empresa precisa ser atrativo não só para o usuário comum, mas também para a ferramenta de busca que leva o usuário até você?

E que mesmo que você consiga que seu conteúdo seja visto, ele ainda precisa ser “comprado” pelo visitante, seja convencendo o usuário a adquirir um produto ou serviço que você ou a sua empresa oferece, desenvolvendo sua imagem profissional ou a de seu negócio no mercado ou simplesmente gerando buzz com comentários e compartilhamentos?

Diversos estudos nas áreas de tecnologia e comportamento apontam as melhores formas de “vender seu peixe” na Internet, e levaram ao desenvolvimento de técnicas específicas e de eficácia comprovada para você não só conseguir capturar a atenção do usuário, como otimizar o resultado das buscas ao seu conteúdo e ainda obter um maior retorno com ele.

O conjunto de muitas dessas técnicas é reunido no que recebeu o nome de webwriting.

Webwriting: ferramenta para quem publica conteúdo profissional na Internet

Enrico Cardoso, fundador da excited, a primeira empresa nacional focada no uso de ferramentas como o storytelling e o webwriting na produção de marcas, explica:

Webwriting não se resume a redação para a web. É um conjunto de técnicas quemelhora o desempenho do conteúdo produzido, tanto em conversão quanto emresultados dos buscadores. Partindo de como escolher e abordar um tema até como aumentar a sua influência nos meios digitais, passando por métodos de escrita, otimização e diagramação, o webwritingé uma ferramenta de grande importância para pessoas e marcas na Internet.

Portanto, conhecer e aplicar estas técnicas é fundamental para profissionais que trabalham diretamente com a produção de conteúdo, como jornalistas, editores, publicitários e blogueiros; na área de tecnologia, como programadores e profissionais de TI; e para quem desenvolve sua marca ou identidade (pessoal ou empresarial) na web.

TIP promove workshop de webwriting em Santos

Uma ótima oportunidade para quem deseja se aprofundar no assunto e aprender a utilizar o webwriting a favor de seu conteúdo ou negócio é o workshop com Enrico Cardoso promovido pelo TIP, espaço de treinamento, inovação e pesquisa da agência santista Mkt Virtual.

O workshop acontece no sábado, 22 de junho, das 10h às 17h30 (com coffee break) e tem vagas limitadas. No curso, Enrico compartilha seus mais de sete anos de experiência profissional com conteúdo de forma dinâmico e 100% prática. O valor de inscrição é R$250, ou R$180 para o ingresso social, disponível com a doação de duas latas de leite em pó, que serão revertidas para instituições de solidariedade.

Mais informações e inscrições online na página do workshop de webwriting.

O TIP fica na Rua Dr. Carvalho de Mendonça, 238 – 7º andar, em Santos (SP). Conheça o espaço e todas as atividades realizadas em pensetip.com.br.

Se você quiser conhecer um pouco mais sobre a metodologia de webwriting e saber mais como ela funciona impulsionando conteúdo na internet, acesse a página do curso de webwriting de Enrico Cardoso.

Workshop de webwriting em Santos com Enrico Cardoso promovido pelo TIP.

Workshop de webwriting em Santos com Enrico Cardoso promovido pelo TIP.

Workshop de webwriting com Enrico Cardoso

Dia 22 de junho de 2013 (sábado), das 10h às 17:30h.

Local: TIP Rua Dr. Carvalho de Mendonça, 238 – 7º andar, em Santos (SP)

Inscrições: http://www.eventick.com.br/webwriting-tip-22-06-2013.

Mais informações: curso@enricocardoso.com.br.

Vem, gente!

Curso de Webwriting: Dominando a sua Influência Online

Enrico Cardoso realiza curso de webwriting para profissionais que querem ampliar seu alcance online

O webwriting é uma ferramenta de grande importância na criação da influência de uma marca ou pessoa na internet.

Isso significa que as técnicas de webwriting são responsáveis por ajudar a persuadir o cliente a comprar o seu produto, otimizar o seu conteúdo para que eles apareçam nos buscadores e acima de tudo, aumentar a sua influência na internet.

Os benefícios de um conteúdo bem concebido com as técnicas de webwriting não são apenas mais leitura, ou aumento no número de visualizações, mas sim uma maior conversão e melhor desempenho nos resultados dos buscadores.

Engana-se quem pensa que webwriting é apenas um processo de redação para a web. Webwriting, mais do que isso são técnicas de produção e otimização de conteúdo para aumentar o poder de persuasão de um texto ou um estudo online.

Através de um processo de webwriting é possível melhorar o número de conversões de uma página web: seja para fazer alguém preencher um cadastro, fazer o download de um arquivo, ou até mesmo comprar mais.

O webwriting é uma peça fundamental em um argumento bem construído na internet e, com ele, o desempenho de um website pode aumentar os resultados de forma espantosa.

Curso de webwriting

Por esse motivo, eu quero convidar você para participar do meu curso de webwriting intensivo: “Dominando a sua influência online” e acredito que depois desse curso você poderá tirar maior proveito das técnicas para ampliar a sua influência online.

O curso acontecerá no dia 04/05 – sábado e vamos falar o dia todo sobre as melhores práticas de webwriting para melhorar o seu desempenho online.

Se você é jornalista, editor de conteúdo, marqueteiro, publicitário, curioso, profissional de TI, programador, ou simplesmente tem interesse sobre como o tema pode ajudar você a melhorar o seu desempenho online, trazendo mais conversões pro seu site, ou pro dos seus clientes, e também otimizar o seu conteúdo para ser encontrado pelos mecanismos de busca, esse é o curso certo para pra você.

O curso é totalmente prático e sem lenga lenga. Durante o curso você vai aprender as mais recentes e eficazes técnicas de webwriting para fazer com que o seu conteúdo chegue nas pessoas certas através de métodos de escrita, otimização e diagramação de conteúdo.

Se você não tem criatividade, ou não sabe por onde começar a escrever, o curso de webwriting vai abordar desde como conseguir escrever sobre assuntos quentes sobre o seu tema, até como aumentar as visitas de seu site através do webwriting.

Programa do curso de webwriting

Durante o curso você vai aprender:

  • O que é webwrinting?
  • Os princípios do webwriting.
  • Como tornar a leitura mais confortável e atraente.
  • Como escolher um tema para escrever.
  • Como estabelecer empatia entre seu texto e o usuário.
  • A leitura escaneada e os hábitos de leitura.
  • Criando títulos para a internet.
  • Títulos, subtítulos, redação e palavras-chave.
  • Os limites de caracteres.
  • Como conduzir e orientar o usuário através do texto.
  • O papel das imagens e apoio multimídia.
  • Análise de sites e portais.

Informações sobre o curso de webwriting

Local: Pto de Contato (Rua Augusta, 2690 – Galeria Ouro Fino – São Paulo).

Data: 04/05/2013 (sábado).

Horário: das 8h às 18h.

Investimento:

  • R$ 403,00 (até 20/04).
  • R$ 493,00 (após 20/04).

Inscrições: envie e-mail com nome e telefone para: curso@enricocardoso.com.br.

Ou assista o vídeo abaixo, com mais informações sobre o curso de webwriting.

O curso de webwriting

O curso de webwriting ministrado por Enrico Cardoso já foi ministrado in company para diversas empresas com blogs corporativos, revistas online, portais e editores de conteúdo.

O resultado do curso de webwriting são os mais de anos de estudo, pesquisa e produção de conteúdo de Enrico Cardoso, com intensa pesquisa e aplicação técnica, medindo diariamente os resultados em clientes que Enrico já ajudou como consultor ou ghost writer a promover seu conteúdo usando técnicas de webwriting.

Todas as técnicas aplicadas no curso têm resultados 100% comprovados em portais de conteúdo, websites corporativos e blogs. Ao final do curso de webwriting, o objetivo é que todos os participantes saiam com o seu método de webwriting prontos para criarem conteúdo e aumentarem a sua influência online.

Se você não puder participar dessa primeira turma aberta, sugira uma data para a segunda turma ou leve este curso para a sua cidade. Para mais informações, escreva para: curso@enricocardoso.com.br.

Enrico Cardoso ministra primeira turma aberta do curso de webwriting

Enrico Cardoso ministra primeira turma aberta do curso de webwriting.

___

Este artigo foi postado originalmente no: http://enricocardoso.com.br/curso-de-webwriting/.

Conteúdo é o que Interessa!

Qual é a missão de uma empresa? Qual é o motivo que uma empresa EXISTE? Por que empresas grandes têm missões gigantescas e imcompreensíveis? Por que todas elas querem ser reconhecida regional ou nacionalmente como referência de qualidade e xcelência de produtos e serviços? PORQUE?

Uma empresa nasceu pra fazer muito mais do que gerar lucro e satisfação dos sócios e da diretoria. Uma empresa tem uma tarefa muito mais árdua do que apenas gerar lucro entre créditos e débitos e satisfazer seus clientes. Uma empresa precisa nascer envolta em uma cultura para educar e transformar a tribo em que está inserida. Qual é a cultura de sua empresa? O que vocês vão fazer pela tribo em que estão inseridos? Você sabe qual a sua tribo? Você pelo menos sabe qual a sua tribo, qual o seu alvo? Aonde é que a sua empresa quer ATUAR? Além de querer atuar agradando todas as tribos, foque em apenas uma tribo. Apenas empresas até 50 funcionários sem área de compras; apenas empresas com faturamento de 15 milhões por ano e mais de 200 funcionários; apenas profissionais liberais sem escritório; apenas microempresários com até dois funcionários, etc. FOCO É DIZER NÃO. Diga não para quem te disse pra vender todos os produtos. Diga não praquele seu amigo que falou pra você atender a todas as empresas. DIGA NÃO pra quem disser que a missão da sua empresa é GERAR LUCRO. Foco é dizer não a todas as opções e seguir UM CAMINHO DE CADA VEZ.

Qual a missão de uma empresa? Criar uma cultura dentro da tribo que está inserida e alimentar todos os integrantes dessa tribo com CONTEÚDO! Ah?!? Isso mesmo, CRIAR CONTEÚDO DENTRO DA CULTURA DA SUA EMPRESA. Conteúdo é o que interessa. A empresa precisa educar os seus clientes. EDUCAR, ensinar, ajudar a decidir ou se justificar em relação a um determinado tema. Vídeos, eventos, palestras, newsleters, podcasting, etc. O site da empresa deve virar uma mídia interativa de conteúdo sobre o negócio da empresa. O que impede que sites de empresas se transformem em sites como UOL, Terra e Globo.com, dando notícias, construindo conteúdo e divulgando para educar a sua tribo? O objetivo de um site é fazer com que a empresa seja vista, conhecida, visitada e estejha disponível. Mas, o que faz com que uma pessoa, após entrar no site da empresa continue nele e volte a visitá-lo?? O CONTEÚDO…

Por isso, conteúdo vem na frente junto com a cultura da empresa, e toda aquela missão da empresa como vender, gerar lucro aos acionistas, ser referência e bla, bla, bla, vêm depois de EDUCAR e AJUDAR os clientes. E para educar, precisamos de conteúdo, de relevância e de uma cultura alinhada à forma que queremos ser reconhecidos pelos outros. Portanto, mate o seu site antiquado, com informações e conteúdos irrelevantes e mergulhe no mundo da COMUNICAÇÃO 2.0!

conteudo

Vence Quem Contar a Melhor História…

Já não é segredo que eu estive lendo nos últimos dias a biografia de um dos fundadores da AmWay, como eu já disse. O negócio foi é ainda levanta polêmica por onde passa, devido ao seu modelo de vendas diretas que por muitos é chamado de Marketing de Pirâmide.

Pra quem não conhece a AmWay, ela é uma empresa que fabrica mais de duzentos produtos, entre eles vitaminas, sabonetes e primeiro socorros (anti-sépticos no estilo mertiolate) que são revendidos por seus milhares de distribuidores mundo a fora, onde a empresa tem bases instaladas e pontos de distribuição. E é justamente o fato de ter distribuidores (e não funcionários) que faz da AmWay uma empresa amada por uns e odiada por outros. Odiada por um lado por que os críticos alegam que o “distribuidor” é que acaba sendo o cliente da empresa. Isso por que ele tem que comprar os produtos e depois revender, correndo o risco de deixar encalhado algum e ter prejuízo, pois é necessário um valor mínimo de “faturamento”. Por outro lado, isso é chamado por espírito empreendedor pelos seguidores da AmWay e, segundo eles, isso que faz a empresa ser tão excelente, por que proporciona a possibilidade de pessoas “comuns” terem o próprio negócio com um pequeno investimento. Ou seja, entre a cruz e a espada.

O que fica muito claro no livro é que a AmWay por esse motivo foi alvo de inúmeros processos que qeustionavam o seu modus operandi e acreditavam que o Marketing Multinível é algum tipo de trapaça piramidal. Porém, segundo o próprio autor e co-fundador da AmWay, em todos os processos, todos os inquéritos e investigações sobre a empresa que aconteceram na sua história a AmWay conseguiu provar que não utiliza nenhuma estratégia piramidal e que o seu Plano de Marketing e Vendas é totalmente realista e verdadeiro, tanto é que todos os órgãos que investigaram a empresa ao longo dos anos, nos relatórios finais reconheciam a idoneidade da empresa.

Mas, o que me levou ao livro não foi a história contraditória da empresa. Foi a vontade empreendedora e o a falta de medo. Falta de medo em não errar, em não ter medo de FAZER, mesmo sem saber muito bem qual a direção a seguir. A primeira grande lição que eu tiro desse livro é que empreendedores não têm medo de arriscar quando o assunto é criar uma empresa para mudar o mundo. O medo afasta as idéias, a criatividade e a inovação das pessoas. O medo é uma maldição que acompanha os indíviduos e os impedem de enxergar oportunidades e desafios à frente. Jay Van Andel, junto com Rich DeVos, antes de fundarem a AmWay passearam por muitas outras empresas que fundaram. Em umas tiveram sucesso extraordinário, em outras histórias para contar. Mas, em todos os casos lições foram tiradas, e idéias colocadas em prática. Quem PLANEJA não tem história pra contar, nem liçõespara ensinar. Quem FAZ tem dúzias delas para distribuir a quem quiser saber.

A segunda grande lição que o livro transmite é que VENCE QUEM CONTA UMA HISTÓRIA e consegue envolver as pessoas em torno de uma CULTURA. A história da AmWay (American Way) era possibilitar a todas as pessoas que queriam ter o próprio negócio, a possibilidade de realizá-lo ao “estilo americano”, uma empresa sediada em um país livre, onde para crescer o indivíduo só depende dele e dos esforços que está disposto a realizar para que o sucesso chegue. A AmericanWay Companio quer espalhar pelo mundo o “American Way of Life”, onde não é impossível conquistar o sucesso, muito pelo contrário, ele é questão de esforço pessoal. A dupla fundadora da AmWay empreendeu já na década de trinta, onde cem dólares era uma fortuna e todo mundo queria ser empregado de grandes indústrias. Sempre com desejo de mudar o mundo e o comportamento das pessoas, eles estavam sempre trilhando um caminho diferente daqueles que estavam ao seu redor e, em 1959 fundaram a AmWay, uma empresa feita baseada no ideal americano de liberdade e trabalho árduo, como força motriz para o capitalismo, o único e verdadeiro sistema capaz de colocar as diretrizes do sucesso na mão do indivíduo. Confusos e contraditórios ou não, Van Andel e DeVos, realmente estavam à frente de seu tempo.

Jay agradece à Deus, a Esposa e aos Amigos por tudo que construiu. Religioso fervoroso, jogava todos os méritos de seu sucesso nas mãos de Deus e passou a vida servindo-o em retribuição ao sucesso alcançado. Infelizmente, soube por pesquisas pela internet, que Van Andel faleceu em 2004, cinco anos após a publicação de sua auto-biografia, provavelmente por algum problema que agravara seu mal de Parkinson.

Qual é a história que a sua empresa quer contar??

amway